Cultura digital: como alcançá-la no processo da Aceleração Digital
Fone: 8h - 17PM

Dextra

Cultura digital: como alcançá-la no processo da Aceleração Digital

Por: 04/12/2018

Aderir à cultura digital é um fator crítico para alcançar a transformação digital e essa medida tem se mostrado capaz de trazer resultados extraordinários para desenvolver o seu negócio.

Segundo uma avaliação feita pela consultoria Boston Consulting Group (BCG) com 40 casos de Transformação Digital, a proporção de companhias que apresentaram crescimento financeiro excepcional é cinco vezes maior (90%) entre as empresas que focaram em suas culturas do que as que negligenciam esse fator (17%).

Os efeitos dessa medida são ainda mais poderosos quando se fala no desempenho sustentável. Aproximadamente 80% das companhias que focaram em suas culturas sustentaram uma performance forte ou excepcional, sendo que nenhuma das empresas que deixaram esse fator de lado alcançaram tal marca.

Contudo, o verdadeiro desafio está em encontrar um caminho nessa direção. De acordo com um relatório divulgado pela Capgemini, por exemplo, 62% das companhias consideram a cultura o maior obstáculo para alcançar a transformação digital. Isso porque operar nesse novo mindset consiste em passar por uma série de novas experiências que envolvem equipes, lideranças, valores e proposta da empresa.

A Dextra não apenas tem o digital enraizado em sua cultura como também já ajudou diversos clientes brasileiros a passar por essa transição.

Recrutar as pessoas certas, ter colaboradores em todos os níveis hierárquicos engajados em buscar e testar novas ideias e agilizar a tomada de decisões e iniciativas são algumas das medidas que fazem parte desse processo.

Confira a seguir os detalhes sobre essas e outras características que compõem essa transformação:

Fomentando um ambiente de inovação

Fomentar um ambiente de inovação na organização é um dos processos mais importantes na cultura digital. E isso envolve uma significativa mudança de mentalidade.

Para que isso aconteça, é necessário que sua empresa adapte suas expectativas com relação a riscos. “Na cultura tradicional, as empresas focam muito no conhecido e planejado. Porém, na cultura da inovação digital, não se sabe exatamente quais ideias darão certo. É preciso ter espaço para experimentar, sem receio de punições. Isto entra em choque com nossa formação, que pune o erro e premia o acerto.”, afirma Bill Coutinho, fundador e diretor de tecnologia da Dextra.

Dessa forma, na Aceleração Digital, é necessário que as empresas compreendam que lidar com erros faz parte de um ciclo de aprendizados que levam à construção de um produto e de uma organização cada vez melhor. Muitas vezes, na formação de experimentos que dão errado, estão as sementes de ideias disruptivas que não apareceriam se só tentamos ter certeza do acerto.

Recrutando as melhores pessoas

Existe um ponto importante sobre fomentar a cultura digital: ela torna a sua empresa mais atrativa para talentos. “As empresas que não passarem por esse processo na Transformação Digital não conseguirão contratar os melhores profissionais, pois um dos principais pontos de atratividade para talentos é justamente o ambiente”, diz Coutinho.

Além disso, é preciso garantir que os colaboradores em todos os níveis hierárquicos de sua companhia estejam alinhados com essa abordagem.

Por isso, recrutar e reter talentos com perfil compatível com os valores e a visão de seu negócio se torna essencial. “A diversidade também tem que ser levada em consideração, pois ela amplia o repertório de ideias e visões dentro das empresas”, afirma Bill Coutinho.

Engajando as lideranças para atuar sob um novo modelo

Além de recrutar os talentos certos, é preciso contar com líderes que atuem como evangelizadores dessa cultura digital em sua empresa.

Isso porque, na Aceleração Digital, o papel do gestor deve ser ressignificado: no lugar do controle e supervisão, entram habilidades-chave para esse cargo que envolvem motivação, perfil engajador e autonomia.

Então, a partir da definição de uma visão clara para a companhia, o líder deve ajudar os times a construírem produtos que trarão maior impacto para seus clientes e seu negócio.

A Dextra já escreveu um artigo que fala sobre como você pode preparar a liderança de sua organização para atuar no processo da transformação digital. Para saber mais sobre esse tema, confira o link abaixo:

Inspirando-se na trajetória de sucesso de outras empresas

Não importa se sua empresa nasceu ou não dentro do mundo digital: acompanhar e inspirar-se na jornada de grandes empresas que estão trilhando esse caminho com sucesso é uma excelente forma de aprender.

Algumas gigantes da tecnologia, como Spotify, frequentemente compartilham como seus líderes, times e métodos de trabalhar são adaptados à cultura digital.

Existe até mesmo um vídeo chamado Spotify engineering culture, no qual a empresa explica como seu time de engenheiros se organiza para trabalhar na criação e aprimoramento de seus produtos.

Outras companhias, como Uber, também são frequentemente citadas pela forma como conduzem a criação de seus produtos.

Saiba mais sobre o processo da Aceleração Digital

Para saber mais sobre como a Aceleração Digital pode impactar sua empresa e atrair os melhores talentos para trabalhar em seus produtos, leia também os artigos abaixo:

A cultura da Dextra é o principal dos fatores que a levaram a ser eleita top 10 no ranking das melhores empresas para se trabalhar na América Latina de acordo com o índice do Great Places to Work e a ganhar avaliação máxima pelo site Love Mondays Brasil.

Além de cultivar essa cultura internamente, a Dextra também usa essa expertise para alavancar os resultados de diversas companhias com a Aceleração Digital. Entre em contato com nosso time de especialistas para saber como esse método pode ajudar sua empresa.

Entre em Contato

Mensagem enviada com sucesso!

Tags

Comentários