Participamos da try! Swift NYC 2018 - Desenvolvimento de software sob medida
Fone: 8h - 17PM

Dextra

Participamos da try! Swift NYC 2018

Por: 20/09/2018

Na última semana na cidade da Nova York aconteceu mais uma edição da try! Swift NYC 2018 que é uma conferencia organizada pela comunidade de desenvolvimento iOS, outras cidades em que se passa a conferencia é: San Jose e Tokyo. O objetivo principal do evento é trazer conteúdos de diversas empresas sobre a plataforma iOS, padrões de desenvolvimento, ferramentas e claro, workshop’s em que os desenvolvedores possam ter o seu primeiro contato ou aperfeiçoar seus conhecimentos sobre determinado assunto dentro da plataforma iOS. E quando eu digo, desenvolvedores, eu envolvo toda a comunidade mundial, participando e trabalhando para novos resultados na área. Para saber mais sobre a try! Swift, basta acessar try! Swift Conference.
Nesse ano tive a oportunidade de estar participando da minha primeira edição da conferência. Vou tentar contar um pouco como foi essa experiência sobre o evento.

try-swift


A semana na try! Swift
A try! Swift aconteceu nos dias 03, 04 e 05 do mês de setembro. Na mesma semana em que acontece a conferência, outros eventos são organizados pelos próprios desenvolvedores que moram ou trabalham na cidade de Nova York, sendo assim, o desenvolvimento, o networking e o compartilhamento de conhecimentos já começaram no sábado!
No sábado (01), aconteceu uma meetup “Cocoapods peer lab”, organizada por Ash Furrow e orta no escritório da Artsy, com o propósito de juntar desenvolvedores iOS para compartilhar conhecimento, tirar dúvidas e conhecer novas pessoas 0/. Em particular, foi muito proveitoso para tirar dúvidas específicas de alguns casos que temos nos projetos da Dextra, onde pude conversar com os próprios criadores de determinadas ferramentas, ou pessoas que nos influenciaram em decisões sobre certas tecnologias, dúvidas foram esclarecidas e novas ideias surgiram a partir desse bate papo tecnológico!
Na segunda feira, tive a oportunidade de ser voluntário em um dos workshop’s sobre acessibilidade para aplicativos iOS “Making your app more accessible” apresentado pelo Bas Broek. Um conteúdo super interessante, sobre pontos e ferramentas que podemos utilizar dentro da própria plataforma de desenvolvimento para nos auxiliar em todo o processo de tornar nosso aplicativo mais acessível… Outro fator interessante também é saber como a “política” de acessibilidade em um aplicativo muda de acordo com a região que o mesmo oferece suporte! Acessibilidade é um tema atual e muito amplo, que se você não viu ainda, recomendo você pesquisar sobre, porque nós como desenvolvedores, temos a grande responsabilidade de não segregar os usuários dos nossos aplicativos, e sim dar suporte e assistência a qualquer pessoa que precise utliza-los.
Na terça feira (03), a conferência teve seu início.
Foram dois dias de evento (03 e 04), com diversos conteúdos, apresentações, palestras, sessões para tirar dúvida com os palestrantes, muito networking e compartilhamento de conhecimentos.
Vou tentar ser breve sobre em alguns conteúdos que mais me identifiquei nos dois dias de evento!

Swift Server Side
Você já pensou em fazer uma aplicação de servidor utilizando a linguagem Swift? Swift Server Side é um assunto que está abrindo novas portas para o desenvolvimento backend, e vou te contar que ela está vindo com tudo!
Quando falamos de Swift Server Side, é imprescindível não citarmos esses 3 frameworks, que nos dão suporte para o desenvolvimento. Que são os mais populares:

  • Vapor
    O mais popular Server Side Swift framework até o momento.
    Vapor (Server-side Swift)
    https://vapor.codes/
  • Perfect
    Primeiro e mais estável framework Server Side Swift
    Server-Side Swift is here: it’s Perfect
    https://www.perfect.org/
  • Kitura
    IBM também está presente no Server Side Swift
    IBM-Swift/Kitura
    https://www.kitura.io/

Apple Machine Learning
Na conferência, contamos com 3 grandes palestras sobre o Core ML, apresentados por mataharimau, Aileen Nielsen e Kentaro Masumae, explicando um pouco sobre o framework de Machine Learning da Apple, onde mostraram exemplos do que é possível fazer com essa tecnologia.
O framework da Apple tem como objetivo ser prático e simples de ser utilizado dentro das nossas aplicações. Trazendo experiências incríveis para nossos usuários, oferecendo funcionalidades que tornam processos do cotidiano das pessoas muito mais fácil, divertido e intuitivo. Vimos que podemos utilizar o CoreML, para resolver problemas de download de consumo de banda de internet ao realizar download de imagens de um servidor por exemplo, onde é possível a gente utilizar o ferramenta de imagens, o Vision, para conseguirmos fazer o download de uma imagem de baixa resolução e aplicar uma “super renderização” para aumentarmos a qualidade da imagem a nível de aplicativo!
Imagine também que podemos realizar traduções de algum idioma em tempo real utilizando a câmera do nosso celular… Já pensou? A resposta para esse questionamento é: YES, WE CAN!
Esses são só alguns de exemplos que foram apresentados no evento. Para saber mais, explore um pouco os links abaixo, que explicam um pouco mais sobre a tecnologia.
Machine Learning – Apple Developer

Create ML | Apple Developer Documentation

Swift Open Source
Daiki Matsudate nos contou como é o processo de contribuir para a linguagem Swift, desde o momento que ele encontrou uma melhoria que deveria ser feita na linguagem Swift, até a aprovação de seu pull request no repositório do Swift.
Acredito que não tenha coisa mais gratificante do que contribuir para a linguagem que você desenvolve e cria suas aplicações…
No link abaixo você pode conhecer um pouco dessa jornada:
Swift.org

Augmented Reality
Foi incrível ver como é simples criar soluções incríveis utilizando a ferramenta de realidade aumentada da Apple, o ARKit.
O ARKit é framework da Apple para aplicativos e jogos de realidade aumentada. Com essa tecnologia é possível transformar sua sala de estar no ambiente ou no mundo do aplicativo. Um olhar sobre o que é, pode nos dizer muito sobre que o futuro parece para realidade aumentada no iPhone e iPad.
berta devant deu um show ao vivo de como podemos utilizar o ARKit, mostrando como a ARKit usa as câmeras do iPhone para mapear um ambiente e fazer reconhecimento facial.

Startup
Com toda essas ferramentas em mãos, um pouco de estudo e esforço, temos mais o que o suficiente para arregaçar as mangas e investir em nosso próprio produto. Com uma ideia promissora, temos a visão de como um processo de crescimento de um negócio devem ter seus cuidados, paciência, capricho, preocupações, etc.
Leah Culver nos contou um pouco como foi sua jornada com Startup’s e nos mostrou como seu aplicativo Breaker se tornou uma grande referência no mercado de pod casts.

Além desses temas, vários outros foram abordados e apresentados… Desde de bons hábitos em nossas avaliações em pull requests, até mesmo de histórias inspiradoras e muito motivantes. Além de cases sobre desenvolvimento utilizando react native para soluções iOS, no qual temos ouvido falar muito atualmente, e como podemos explorar esse novo mundo para soluções mobile.
Todo o conteúdo das palestras, devem ser disponibilizadas em breve no link abaixo… Aproveite para conferir as edições anteriores e de outras cidades: try! Swift – Canal no Youtube
A try! Swift tem em seu legado interação de pessoas, respeito à diversidade, respeito as pessoas, fazer novas amizades, aprender, ensinar, e dar a experiência para as pessoas de que todos são capazes e que todos temos muito a aprender, então particularmente, o evento tem os seus mais do que seus exemplares valores culturais, que são referência para outros tipos de conferências, eventos, etc.
Concluindo, a try! Swift sem sombra de dúvidas teve um conteúdo extremamente relevante para nossos projetos sobre ferramentas, práticas, novas tendências, incentivo, motivações e muito mais. Aproveitei a viagem para conhecer alguns “famosos” pontos turísticos da cidade! E caí entre nós… A cidade é extraordinária.
Sem dúvida, uma das melhores experiências da minha vida…

Agradecimentos
Os primeiros agradecimentos e merecidos parabéns para NatashaTheRobot, criadora e organizadora da conferência, pela incrível experiência direta que ela passa para os participantes do evento, além de todos os demais pontos que citei anteriormente.
Agradeço também a toda a equipe de organização e voluntários da try! Swift NYC 2018! Vocês fizeram um trabalho incrível! Parabéns pelo apoio e pelo empenho de cada um por fazer esse evento acontecer da melhor maneira possível!
Todo os devidos parabéns a todos os palestrantes da conferência, que conseguiram disseminar um conhecimento muito relevante para todas as pessoas… Além de toda a empatia, compreensão e receptividade nas sessões de Q&A para tirar dúvidas.
Agradeço também ao Gustavo Barbosa pela indicação do evento, amizade, hospedagem e também por ser meu guia durante toda a minha jornada na cidade de Nova York.
Agradeço a Dextra pelo incentivo, apoio, e toda a confiança por nosso trabalho!

Entre em Contato

Mensagem enviada com sucesso!

Tags

Comentários