Desenvolvimento Profissional

Além do comprometimento

Por: , julho 1, 2014

Muitas vezes ficamos frustados porque as nossas expectativas não são atendidas, trabalhando em equipe estas frustrações também acontecem e as retrospectivas são o momento certo para trabalhar as causas e pensar em ações para minimizar estas frustrações. Mas será que as ações serão efetivas?
Tenho visto muita gente pedindo mais comprometimento quando as coisas não saem exatamente como o esperado. Deu um erro na hora da review para o cliente? Vamos testar melhor da próxima vez! Não conseguiu terminar a tarefa no prazo esperado? Vamos nos esforçar mais. A limpeza deixou a desejar?  Vamos sujar menos. Definir ações como essas não costumam resolver o problema, apenas deixá-lo mais evidente.
Existe uma história de um macaco que não alcançava o cacho em uma bananeira alta e pediu ajuda para os colegas de como ele poderia alcançá-lo. Ele contou que já havia tentado de várias maneiras, tinha tentado escalar, usar um banquinho, e a primeira resposta que ouviu do colega foi: você já tentou pular mais alto? Não é que a idéia fosse ruim, realmente se ele pulasse muito mais alto talvez ele alcançasse as bananas, mas será que ele realmente não havia tentado isso?
Em uma retrospectiva de equipe a primeira regra tem que sempre ser lembrada: “Sem importar o que descobrimos, compreendemos e verdadeiramente cremos que todos fizeram o melhor trabalho possível. Dado que sabiam nesse momento, suas capacidades e habilidades, os recursos disponíveis, e a situação particular”.
Portanto quando chega a hora de discutir os problemas e definir ações devemos focar em comportamentos observáveis e mensuráveis. Então vamos disponibilizar na review apenas a versão que tem 100% dos testes passando, vamos identificar as interferências que afetaram o desenvolvimento e atuar sobre elas e renegociar o prazo quando a estimativa não conseguirá ser cumprida, vamos limpar todos os dias ou disponibilizar o material necessário para que a limpeza possa ser feita no ato ao invés de pular mais alto.
E você? Quantas ações pula mais alto têm aparecido nas suas retrospectivas?

  • Receba nosso conteúdo em primeira mão.